quinta-feira, 30 de abril de 2009

Justiça (5)

O presidente do sindicato dos magistrados do ministério público,João Palma,mal acabou de ser eleito,a primeira declaração pública que fez, foi a de que queria uma conferência com o Presidente da República para lhe comunicar as pressões que estavam a ser feitas sobre os magistrados do ministério público que investigam o caso Freeport. Só ao Presidente da República as comunicaria.
A dita conferência ocorreu ontem.
O que lá foi dito ,não se sabe.
Há aqui qualquer coisa de estranho,que não bate certo.
A primeira : como è que ele ainda antes de ser eleito,teve conhecimento das ditas pressões ?
A segunda :quem o informou ?
A terceira :a que título foi informado ?
Quarta:quem o informou a ele,porque razão não informou o Procurador Geral da República.
Quinta :ou terá recorrido a ele, porque foi informado o Procurador Geral e este não ligou peva ao assunto?
Sexta:se só comunica ao Presidente da Repùblica e não ao Procurador Geral,seu máximo superior hierárquico,é porque não confia nele,isto é,desconfia dele.
Sétima:se não confia nele,qual a razão?
Oitava:não tinham os investigadores que terão sido pressionados a obrigação de participar por escrito,criminalmente contra aqueles que os pressionaram?
Nona :fizeram-no?
Décima:se o não fizeram, a entidade competente para denunciarem as pressões era um candidato a presidente do sindicato?
Décima primeira:não haverá aqui mais uma violação do segredo de justiça?
Décima segunda: ou o presidente do sindicato tem razão para não confiar no Procurador Geral da República ou não tem.Em qualquer dos casos ,quanto tempo vamos ter de esperar para vermos um ou outro como arguido ou com processo disciplinar?
Décima terceira: até quando ,acreditará o cidadão na justiça feita por estes interpretes ?

terça-feira, 28 de abril de 2009

Pausa para publicidade...

Volte à sua melhor forma. Livre-se de tensões, relaxe, corrija a postura, tonifique os músculos e articulações, conecte-se com a sua respiração, a sua força vital, aumente a energia e vitalidade, e sobretudo conheça-se, seja você mesmo, em plenitude, através desta filosofia milenar.

Aulas suaves e acessíveis a todos no Dino´s Health Club, e praticas intensas na...

http://yoga-alcobaca.blogspot.com/

Apareça e divulgue...

domingo, 26 de abril de 2009

Nuno Àlvares Pereira - santo?

O nosso herói nacional ficou na nossa memória pelas batalhas que venceu, especialmente a de Aljubarrota.

Poderá ter sido tudo ,naquele tempo,menos santo.
Que o classifiquem agora como tal(seicentos anos decorridos) ,é uma maldade inqualificável que se faz ao nosso património histórico,à nossa inteligência ,ao nosso patriotismo, aos jovens de hoje e aos vindouros.

A igreja católica tem o direito de rezar a quem entender, mas deveria ter também a humildade e o cuidado de não se apropriar ,usar e abusar da história dum povo.

Que qualquer órgão do estado português ,estado laico, do Presidente da República ao simples autarca de freguesia se faça representar neste acto, constitui uma violação dos seus deveres constitucionais.

sábado, 25 de abril de 2009

25 de Abril


25 de Abril 74

O primeiro dia de liberdade do Povo Português em toda a sua história !

Esperemos que para sempre.




http://4.bp.blogspot.com/_QFp2P6UH-OE/R_ailsUFODI/AAAAAAAAA68/Htd9JntN128/s800/25-abril-cravo-1a.jpg

sábado, 18 de abril de 2009

Livros (7) Marching powder


Portugal é um país mesmo bom. Apresento provas!

Livro: Marching powder

Autor: Rusty young

O livro conta a história real de um traficante de droga inglês que foi preso na Bolivia. É um relato autobiográfico. Mas é...surreal!

O tipo é preso por uma traiçao do chefe da policia do aeroporto a quem tinha subornado para lhe garantir um salvo conducto em caso de necessidade. Dali é enviado para a prisao temporária, durante a instruçao do processo. Ali, onde esteve cerca de 1 mês sem ser ouvido em tribunal, quase morre de fome e doença porque como não tinha dinheiro para pagar aos guardas para eles lhe levarem comida. Logo, nao tem comida! Nem comida nem nada mais que uma cela fria e imunda. Dali, e quase a morrer, extremamente doente, implora para o levarem ao tribunal e enviarem a prisao. Consegue porque os guardas percebem que ele não tinha mesmo dinheiro para dar-lhes. Depois de uma rápida passagem pelo tribunal despejam-no na prisao, a principal de La Paz, a capital da Bolivia. Quase a morrer passa a primeira noite na prisao, entre alucinaçoes e incredulelidade. Ninguém lhe diz nada, nem qual é a sua cela, nem como alimentar-se nem nada. Dorme ao relento num canto imundo. No dia seguinte, e já convicto que ia morrer, é abordado por um boliviano-americano que fala inglês e que tem pena e o orienta. Acolhe-o e explica-lhe como funciona tudo. Básicamente funciona tudo como fora da prisao: tudo é pago. Se quer comer é pago. Se quer assitência médica é paga. Se quer uma cela é paga. !!! Mas como alguém que acabou de ser preso e despossado de tudo (roubado pelos guardas) tem dinheiro para pagar a própria cela!? Pagar a própria cela! Ou seja, comprá-la! Literalmente. As celas, que iam desde mini apartamentos a cantos imundos, sao compradas e vendidas entre os presos, com contrato de compra e venda, e o seu valor oscila tal qual em qualquer outro mercado! O mercado varia, por exemplo, se ao EUA decidem fazer pressao para controlar o tráfico, e há uma repentina remessa de novos presos, o valor das celas sobe... E também há bairros e classes sociais dentro da prisao. E restaurantes. E lojas. E... 

Os guardas, desde o director da prisao, ao mais baixo ranking sao todos corruptos. TODOS. Inclusivé, há luta entre os guardas prisionais para serem destacados para aquela prisao, já que tem fama de ser nela que se conseguem mais e melhores “ajudas” e “comissoes”. Os advogados e juízes também estao todos metidos no esquema. Boa parte dos custos judiciais sao para untar o juiz. Não que isso signifique ser absolvido, mas pelo menos é menos provavel receber sentença máxima. Outra coisa que quase todos fazem é consumir drogas, nomeadamente cocaina, que se consomequase como café, apesar de ser ilegal e a causa principal do sobrelotamento das cadeias. 

O tipo, entretanto já recuperado e integrado descobre que a cadeia é o sitio onde se fabrica grande parte da droga produzida na Bolivia, e sem duvidas a de maior qualidade. Ou seja, a droga que ele comprava fora da prisao e traficava, e pela qual foi preso, é frabicada dentro da própria prisao! Na prisao também  vivem mulheres e crianças. As mulheres e crianças dos reclusos! Reclusos? Sim, mas não tanto. Pagando pode-se sair. Numa dessas saidas acompanhadas (e pagas) e heroí de ocasiao conhece uma tipa na discoteca. Uma israelita que estava de férias. Ele leva-a a passar a noite na sua cela na prisao! Ela gosta, apaixonam-se. Ela acaba por ficar umas semanas! E acaba por convidar os amigos dela a vir ver também este cenário surreal! Aí começa o novo negócio do nosso traficante: visitas guiadas à prisao, sobretudo para turistas ocidentais! Em algum tempo tornam-se tao populares que passam a fazer parte do roteiro turístico de guias internacionais! Mais tarde esse negócio é roubado e continuado por outros gangues da prisao! Uma das coisas normais que os turistas fazem na prisao, naturalmente, é consumir a melhor cocaína da Bolivia!


Depois deste livro, quando leio noticias sobre a América central, sobre golpes de Estado, instabilidade politica, revoluçoes, Chavez e Morales, esquerdas e direitas, sobre a violência, sobre a produçao e o tráfico de drogas, sobre eleiçoes, sobre turismo, etc., fico sempre com aquela sensaçao de que não faço a minima ideia do que se passa realmente por lá. É outro sistema, ou outro nivel. Quem sou eu para mandar bitaites, apoiar este ou aquele, ditar soluçoes, salvaçoes e razoes?!

Ao pé disto o sistema português até é...bastante...quase legal...mais ou menos sério...relativamente confiável...razoavelmente eficiente! Portugal é mesmo bom.

JUSTIÇA (4)

Rapidez

Anteontem,16 de Abril,recebi uma notificação ,para reclamar querendo, da conta de custas no processo nº ../1989,execução sumária,do .. Juizo Cível do Tribunal Judicial de Leiria.
Nada mau!
Vinte anos !!!

domingo, 12 de abril de 2009

Livros (6): Evangelho segundo jesus cristo, Saramago

O meu livro de Páscoa

Ao José Saramago desejo um rápido restablecimento da sua saúde.
E que não pare de escrever o seu Caderno.

Quem escreve assim, é certo que não morre - "aqueles que por obras valerosas se vão da lei da morte libertando" - mas quem mais terá a ousadia de escrever e de dizer o que só ele pode ?

Aos meus amigos ,sugiro vão ao blog da Fundação José Saramago(fsj) e,crentes ou descrentes,leiam ou releiam este livro:

Título: O Evangelho Segundo Jesus Cristo
Autor: José Saramago
Editora : Editorial Caminho
Ano: 1991 (Novembro)
Páginas: 445
Tempo de
leitura: 7 a 10 horas

sábado, 11 de abril de 2009

Boa Páscoa ou uma oração de esperança

Olá Melros , eis-me de volta com o raiar da Primavera , fui fazer uma cura de águas e preparar-me para a dura , mas agradável tarefa que nos espera nesta altura, não se lembram qual é? pronto eu relembro-vos:


Olhem os passarinhos

com os seus biquinhos tão afiados

fazem o ninho com mil cuidados , etc... , já se lembram seus "malandros"?!


Pois , comecei pelo ninho reparei na fartura , ia até morrendo , porque se desprendeu uma das muitas placas de VENDE_SE e passou-me mesmo a rasar o bico. Tive cá uma sorte!


Olhei para para o sítio de onde tinha vindo aquela e vi muitas mais, cansado, pousei num arbusto e por uma janela aberta ouvi que havia muitos pássaros a sair dos ninhos , porque os passarões puseram ovos tão grandes que até precisam dos ninhos dos passarinhos.


Estou preocupado com os filhos dos passarinhos , sem ninho onde vão nascer? e crescer? e comer? e então surgiu-me a ideia.


Porque não depenamos os passarões? Dirão vocês , pois pois, mas como?


Ah,Ah. Olhem só para esta ideia genial.


Primeiro vamos rezar por eles o que neste tempo de Páscoa até fica bem . Como Deus escuta sempre as preces dos passarinhos (é o que dizem), rezem então comigo:


Deus que estás nas alturas, acolhe estes passarinhos a quem venderam ilusões. Solta o teu poder e acaba com os passarões. Limpa o céu e devolve-lhe o azul, não nos deixes entregues ao mal. Permite que os nossos filhos tenham esperança e que tal como nós te façam esta oração , consagrando assim o teu poder anti-passarão.

E mesmo no paraíso , procura-os porque eles estão disfarçados, tal e qual como na terra de chapéus encarnados do teu poder consagrados . Protege-nos da sua falsa beatude , que amiúde nos confunde e ofende , quando em teu nome nos dizem que o destino dos passarinhos é morrer.


Deus meu senhor , dá-lhes juízo que de bondade não sabem , ao teu máximo representante aqui na terra, dá-lhe tambem um sinal de que deve ser normal e quando chegar a terras tuas, não relate falcatruas. Seja verdadeiro e incisivo , use o preservativo para daquela boca não sair mais nada que ofenda a tua reconhecida bondade e amor pelos passarinhos. Amen.


Agora , com Deus por aliado, os passarões vão passar um mal bocado , eu cá acho que sim. A não ser que tenhamos sido vendidos por trinta dinheiros, ou será que já aderiram ao Euro?


quinta-feira, 9 de abril de 2009

Patriotismo

A Europa( União Europeia) parece-se cada vez mais com uma velha senhora, decadente, aristocrática e prostituta.
A América( E.U.A.) filha desta desta velha Europa,seguiu-lhe as passadas mas, sendo jovem ,rica,colorida e irreverente não se conforma com a crise -de valores e de dinheiro- e tenta renovar-se ,via Obama.
A U.E. pelo contrário,persiste em continuar com os mesmos timoneiros que nos encalharam.
Para Presidente da Comissão Europeia, mais uma vez, Durão barroso ???!!!
Enquanto os americanos correram com Bush e seus acólitos ,os governantes europeus mantêm-os e consagra-os.
Sócrates- o dito socialista - apoia Durão Barroso, por este ser português, por patriotismo !
Não sei o que será patriotismo para ele; sei que, por patriotismo , sinto vergonha por Durão Barroso ser português.
Patrióticamente,sinto-me mil vezes mais representado e recompensado pelo cão- de- água português, adoptado por Obama.

terça-feira, 7 de abril de 2009

Justiça (3)

Como diria o Alexandre O'Neil,a justiça" é uma coisa em forma de assim".
Uma coisa mole,pegajosa, inconsistente,que não é nem deixa de ser,uma espécie de gelatina ,plasticina ou simplesmente barro ,que toma a forma do molde onde se verte.
Os moldes (as leis ) são concebidos,elaborados e fornecidos aos tribunais por mestres da incompetência,do compadrio,da evasão,da confusão e do obscurantismo.As leis ,ao contrário do que seria normal,são feitas para não serem percebidas pelos cidadãos,os seus destinatários.Todos os dias(não é exagero) se produzem leis que revogam,alteram,repoem,outras que alteraram,revogaram ou repuseram as anteriores e sempre assim consecutivamente.É mais fácil sair dum labirinto do que acertar com a lei em vigor!
Em Portugal (permitam que vos surpreenda com esta novidade) quem tem feito os moldes nestes últimos trinta e tal anos são nada mais nada menos que o PS e PSD e por entre os intervalos da chuva,o CDS !!!
Os magistrados judiciais e do ministério público(que vertem a dita massa para os moldes)são também -na maior parte- enormes especialistas na matéria:pelo menos na primeira instância,na maioria dos tribunais,são jovenzinhos de vinte e tal, trinta anos,que têm uma experiência de vida inquestionável.Muitos deles já compraram uma vez por outra um jornal,uma bica,uma refeição e os mais ousados e atrevidos até já se meteram a comprar um carro-BMW para dar estatuto- a prestações.Com esta vasta e diversicadíssima experiência de vida e computadores à disposição,julgam os pais ,avós e bisavós(nós) com toda a tranquilidade e, è claro, independência e competência.
Quem quiser compreender o caso Freeport,as violações sistemáticas do segredo de justiça,as pressões,as demoras ,os avanços e recuos processuais,a especulação à volta de tudo isto,só terá de perceber que o que está em causa não é a justiça ,mas a falta dela,logo á partida.O que está em causa é a luta pelo poder entre os( dois) partidos do poder.O que está em causa é " os do meu partido são corruptos,mas os do teu também". O julgamento não lhes interessa. O que interessa è queimar o outro,manter a suspeição, que vêm aí as eleições.A justiça é para o Zé povinho, que convém não levante a grimpa .No caso Freeport, a justiça é um joguete,onde cada um dos contendores tem os seus peões.Um bom pretexto,à falta de argumentos políticos,para cada um deles tentar parecer diferente do outro.